Verbetes:

cidadão

Eduardo Guimarães


            A palavra cidadão significa fundamentalmente o indivíduo tomado enquanto detentor dos direitos próprios da cidadania. Neste sentido o cidadão é um sujeito de diretos e deveres num Estado Nacão. Se observarmos sua relação com outras palavras correlatas, podemos notar que este sentido de cidadão não se reporta ao sentido de cidade, mas se reporta ao sentido de município. Veja que é algo redundante dizer Esta cidade é um município, pois o município tem como sede uma cidade. O sentido de cidade é, entre outros aspectos, determinado pelo sentido de município. Deste modo ao se dizer os cidadãos deste município, não se está falando necessariamente dos cidadãos que habitam uma certa cidade, mas de todos os cidadãos do município, sejam ou não habitantes da cidade que é sede do município. Assim, neste plano de relações de sentido, o sentido de cidadão se relaciona com o sentido de município, enquanto divisão político-administrativa de um Estado Nacional Nação. Assim, não é o conjunto dos cidadãos (predicados pela cidadania) que constitui uma cidade. Os cidadãos, assim pensados, reportam-se ao município.

            Por outro lado podemos enontrar um outro sentido para cidadão, marcado por um certo tom arcaico. Veja que podemos dizer veio aqui um cidadão te procurar, que significa aproximadamente o mesmo que veio aqui uma pessoa te procurar. Do mesmo modo podemos encontrar algo como:

            - Quem me procurou?

            - Um cidadão qualquer (significando uma pessoa qualquer).

            Se isto mostra uma segunda região de sentidos para a palavra cidadão, mostra também que este sentido tem um certo “tom” arcaizante”, como se fosse uma palavra pouco presente no modo de se falar atualmente. Deste modo vê-se que a palavra cidadão, no seu sentido predicado por cidadania, não está mais na relação com a palavra cidade, mas com Estado, Nação, município.

            Cidade não está no espaço definidor de cidadão, e a cidadania não está marcada pela separação cidade/campo, urbano/rural. Assim o sentido político de cidadão hoje não se define pela relação com a palavra cidade, mas com a palavra cidadania, e tanto cidadão quanto cidadania são definidas formalmente por uma relação de direitos com o Estado.

 

Eduardo Guimarães, 02/09/2013